segunda-feira, agosto 30, 2010

Mentiras

Cada novo dia traz consigo mais mentiras. As piores são aquelas que dizemos a nós mesmo antes de adormecermos. Nós as sussurramos na escuridão, dizendo a nós mesmos que nós somos felizes. Ou que ele que é feliz. Que nós podemos mudar. Ou que ele vai mudar de idéia. Nós nos persuadimos a acreditar que podemos conviver com nossos pecados. Ou então que não podemos viver sem ele. Sim. A cada noite antes de dormirmos, mentimos a nós mesmos com uma desesperada esperança que, ao amanhecer, tudo será verdade.

sexta-feira, agosto 13, 2010

Faz-de-conta

Todos gostam de um jogo de faz-de-conta de vez em quando. Claro que as maneiras que jogamos podem variar imensamente. Às vezes nós dizemos a nós mesmos que o trabalho não irá interferir na nossa vida pessoal. Às vezes, imaginamos certos relacionamentos mais significativos do que eles são realmente. Ocasionalmente, nos colocamos na berlinda, como se para nos convencermos que nossos segredos não são tão terríveis assim. Sim, o jogo do faz-de-conta é bem simples. Você começa quando mente pra si próprio... E se você consegue que os outros acreditem em suas mentiras, você vence.

sexta-feira, agosto 06, 2010

Escândalos

Todo mundo ama um escândalo. Não importando o seu tamanho. Afinal, o que pode ser mais divertido que assistir à queda dos poderosos? O que pode ser mais satisfatório que a exposição pública de pecadores hipócritas? Sim, todos amam um escândalo. E se por alguma razão você não está se deliciando com o último, bem... O próximo sempre surge logo em seguida.