quinta-feira, novembro 29, 2007

Modulo - Alterar

Eu sei que o ano ainda não mudou, mas resolvi mudar o blog.
Além do plano de fundo, agora tem um contador. É isso mesmo, saberei quantas pessoas entram em cada postagem. Não para ter idéia que meu blog é super visitado ou coisa assim, pois eu sei que não é.
Mais coisas irão mudar até o final do ano, não somente na aparência e conteúdo do blog, mas na minha quase vida.

Beijos, queridos.

domingo, novembro 25, 2007

E não é?

O Enterrado Vivo

Carlos Drummond de Andrade

É sempre no passado aquele orgasmo,
é sempre no presente aquele duplo,
é sempre no futuro aquele pânico.

É sempre no meu peito aquela garra.
É sempre no meu tédio aquele aceno.
É sempre no meu sono aquela guerra.

É sempre no meu trato o amplo distrato.
Sempre na minha firma a antiga fúria.
Sempre no mesmo engano outro retrato.

É sempre nos meus pulos o limite.
É sempre nos meus lábios a estampilha.
É sempre no meu não aquele trauma.

Sempre no meu amor a noite rompe.
Sempre dentro de mim meu inimigo.
E sempre no meu sempre a mesma ausência.

sexta-feira, novembro 16, 2007

Preparando...


Então, o engraçado da vida são os relacionamentos.

Você pode desejar ter um belo relacionamento ou uma vida independente, mas não é assim.

Não tem como desejarmos aquilo que mais queremos sem deixar de ver os que os outros querem.

Espera a cada dia encontrar alguém que te faça feliz por mais tempo do que o costume

Nenhuma pessoa é feliz completamente. E mesmo que fosse, pagaria um preço alto por isso.

Surpresa” é melhor não ter.

Da um frio saber que existe algo ou alguém preparando uma surpresa para nós.

Minha vida tem muitas surpresas, mas nada que eu não consiga encaixar no meu planejamento.

Parte de cada um de nós precisa de alguém.

que é doloroso adquirir cicatrizes ao longo da vida.

Que experiência não passa de uma tentativa e erro que a matemática não aceita.

Sua decisão não pode ser uma tentativa e erro, tem que ser uma resposta objetiva e certeira.

Algema das relações são perigosas por isso, por deixar seu objetivo se tornar uma tentativa.

Está disposto a reconsiderar o fato da sua solidão? Ou acha que sua conta chegou ao fim?

Feita a sua escolha, só resta uma coisa: a conseqüência (felicidade ou tristeza)!


P.S. Sem nexo sem contexto. Mas com muita atenção você descobre o recado. Você descobre que não está preparado para tudo.