quarta-feira, julho 25, 2007

O sabor do Pecado

Quatro pedras de gelo numa taça de vinho resfriada, sendo preenchida com um belo vinho tinto suave, fazendo as pedras de gelo se emergir numa dança que lembra mais um crucifixo gelado.

Beber nessa taça é como aproveitar cada momento de um pecado que envolve a carne, a mente e a língua.

Sentir o dissolver do gelo misturado com o sabor do vinho num toque frio de uma taça provocante, faz lembrar as curvas e os medos que corpos “inocentes” têm nos momentos antes de serem devorados.

Infelizmente o prazer pecaminoso dessa taça acaba quando todo o seu conteúdo é tomando ou quando suas curvas são devoradas por uma língua insaciável.

E como somos pecaminosos, adoramos experimentar novos sabores, novos vinhos, novas taças e novos corpos sejam eles inocentes ou pecaminosos.

Eu sempre bebo mais de duas taças com vinho quando resolvo pecar, e você, peca quantas vezes enquanto devora uma alma?

3 comentários:

demm disse...

durante a degustação do vinho, é sempre bom experimentar e repetir na dose, para que não se arrependa mais tarde do vinho que acabou.

Mr.Parker disse...

peco logo existo

Anônimo disse...

Eu não gosto de vinho.rsrs
Prima Isis